MPL protesta na Secretaria dos Transportes paulistana

0
0
0
s2sdefault


Hoje, segunda-feira (8), deixamos na Secretaria Municipal de Transportes o monumento "catraca de ouro". Esse prêmio foi conquistado pelo secretário Sérgio Avelleda e pela prefeitura como um todo através de diversas ações em defesa das catracas, mantendo o direito à cidade como privilégio de quem pode pagar por ele.

Estão fazendo a licitação que vai determinar o funcionamento dos ônibus municipais, principal meio de transporte usado em São Paulo, pelos próximos 15 a 20 anos, sem nenhuma possibilidade de efetiva participação da população. O suposto processo participativo é engessado e burocrático, nele só podemos responder pontualmente e tecnicamente aos pontos pré-definidos nos documentos do edital da licitação. E no fim, como o processo é consultivo, tudo pode ser desconsiderado nas decisões de gabinete.

É justamente porque o transporte não funciona de acordo com as necessidades dos seus usuários e trabalhadores e, sim, de acordo com os interesses dos empresários que querem lucrar e políticos que querem se manter no poder que começamos praticamente todos os anos com aumentos de tarifa.

A catraca de ouro fica como símbolo de como a Secretaria tem tratado o transporte que deveria ser público! Se querem removê-la, que removam também as catracas que impedem cada vez mais o deslocamento de toda a população!

Contra o aumento da tarifa!
Por uma vida sem catracas!

Movimento Passe Livre - São Paulo

Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.

Relacionados