0
0
0
s2sdefault

altNo Brasil, as mortes não são seletivas, são generalizadas. É a lei do talião levada ao extremo: um policial morto, dez ou mais inocentes como vingança. Exatamente como procediam os nazistas. A cada prisioneiro foragido do campo de concentração, dez eram sorteados para morrer.

 

0
0
0
s2sdefault

altOra, ninguém precisa mais se preocupar em invadir a nossa privacidade. Nós mesmos nos expomos em rede global, arrancamos máscaras e roupas, escancaramos nossa indigência cultural e nossa miséria espiritual.

0
0
0
s2sdefault

altFrancisco observou que, para uma vida digna, é necessário garantir os três T – teto, trabalho e terra. E em referência aplicável à Grécia e ao Brasil, qualificou de “novo colonialismo alguns tratados denominados de ‘livre comércio’ e a imposição de ‘austeridade’, que sempre apertam o cinto dos trabalhadores e dos pobres”.

0
0
0
s2sdefault

altMatar em nome de Deus é ainda mais grave. E não se mata apenas pela eliminação física. A morte simbólica usa as armas do preconceito e da discriminação para demonizar também os gays criados à imagem e semelhança de Deus – que não é homem nem mulher – e por ele são amados.

0
0
0
s2sdefault

altParece que só resta ao PT a fala final de Hamlet, a obra-prima de Shakespeare: “O resto é silêncio”. No programa de TV, exaltou os feitos do passado sem explicar os malfeitos do presente nem apresentar projetos de futuro. Não é à toa que a direita brada como cães raivosos.

 

0
0
0
s2sdefault

altIlusão ou era mesmo um mundo melhor? Não, naqueles tempos era inimaginável falar em proteção do meio ambiente, supor um presidente negro na Casa Branca ou um ex-metalúrgico no Alvorada.

0
0
0
s2sdefault

altMerkel se recusa a aceitar que a Grécia, para sair do buraco, adote a receita que salvou o seu país: imposto sobre as grandes fortunas e perdão de parcela significativa da dívida.

 

0
0
0
s2sdefault

altAfrodescendente é expressão usamericana criada para deixar claro que os negros dos EUA não são naturais do país. São imigrantes e filhos de imigrantes, gente “de fora”, lá da longínqua e atrasada África.

0
0
0
s2sdefault

altPaulo Maluf foi acusado de pagar R$ 4,901 milhões, em 1996, quando prefeito de São Paulo, por um serviço que não foi feito na construção do Complexo Ayrton Senna. Na terça, 7 de agosto de 2007, o STF mandou arquivar o processo.

 

 

0
0
0
s2sdefault

altE quando seu candidato ganhou, foi diferente? Deu exemplo de ética, fez leis favoráveis aos mais pobres, introduziu mudanças estruturais no país?

0
0
0
s2sdefault

altResta à sociedade civil descruzar os braços e não esperar dos políticos no poder. É hora de arregaçar as mangas e reorganizar a esperança. Com meros protestos não sairemos dessa depressão cívica. Há que ter propostas.

0
0
0
s2sdefault

altReduzir a maioridade penal é lavar as mãos, como Pilatos, diante do descaso para com as nossas crianças e adolescentes. É não reconhecer que elas ingressam no crime porque a sociedade não lhes assegura direitos fundamentais, como educação de qualidade.