0
0
0
s2sdefault

alt

Não obstante a vitória cantada, seja na propaganda da FIESP, seja nos ‘noticiários’ da Rede Globo, o PL das terceirizações ainda terá longa tramitação. Não é, portanto, uma regra para vigência iminente; muito menos é norma eminente, no sentido ético-social, como se fora uma “página virada” na história, a gosto dos ultraconservadores.

0
0
0
s2sdefault

altFoi preciso que em 2015 se evidenciassem quatro crises simultâneas para que caísse a ficha de que precisamos repensar estruturalmente o ‘nacional-desenvolvimentismo primário-exportador’.

0
0
0
s2sdefault

altOs sinais emitidos pela presidente Dilma ao escolher sua equipe econômica demonstram que o terceiro turno da eleição presidencial, movido por campanhas de mídia e ‘Operação Lava-Jato’, praticamente selaram a sorte do ‘social-desenvolvimentismo’.

 

0
0
0
s2sdefault

altAs condicionalidades do Estado democrático para a posse e propriedade de recursos naturais, que são mandamento constitucional, somem nos programas dos candidatos, até mesmo no da ambientalista Marina.

0
0
0
s2sdefault

altPrograma anticíclico calcado no crescimento no eixo das ‘commodities’ gera crise fiscal e não crescimento sustentado. Isto já está admitido pela própria Dilma. Programa ortodoxo de ajuste fiscal gera mais contração econômica. Vejam a situação dos endividados da zona do Euro.

0
0
0
s2sdefault

altVou me dar ao trabalho de dissecar dois dos temas principais, objeto dos cortes – as pensões e o seguro desemprego, para discernir sobre as significações reais dessa guinada da política social.

0
0
0
s2sdefault

altO recado das urnas foi claro no sentido de não retroceder no campo distributivo. Mas qual será a resposta racional e ética da política econômica e social para enfrentar o enigma desses quatro desafios propostos? Começaremos a desvendá-la com a remontagem do governo, especialmente do seu coordenador econômico.

0
0
0
s2sdefault

altNão há qualquer projeto de superação da estrutura de propriedade, posse e uso da terra e demais recursos naturais. Veja-se o exemplo recente do festival de bajulações que os três candidatos à presidência fizeram recentemente às “recomendações” da CNA e ABAG.

0
0
0
s2sdefault

altAs MPs de números 664 e 665 de 30 de dezembro de 2014, que tratam de alteração de regras previdenciárias, tramitam normalmente (já vigoram suas regras restritivas mesmo sem votação pelo Congresso), não foram devolvidas pelo senador Renan.

0
0
0
s2sdefault

altDilma precisa ter um Plano B, porque o Plano A do ministro Levy contém todas as contradições com o PAC, com a política social de Estado e com a ideia-força de colocar limites à avidez de rendas garantidas ao sistema financeiro.

 

0
0
0
s2sdefault

altO projeto neoliberal de Aécio desvincula-se da ideia força da igualdade e não pressupõe redistribuição de renda ou riqueza na sua concepção. Minha opção, porque não sou neutro, é pelo mal menor: não às armações neoliberais.

0
0
0
s2sdefault

O jogo eleitoral que ora se inicia, com os jogos da Copa ainda em andamento, não deu sinais de diferenças significativas entre as três candidaturas para temas de natureza estrutural.