0
0
0
s2sdefault

Poderá propiciar maior credibilidade ao país, desde que a futura gestão de Graziano aproveite a oportunidade e proponha-se a reformar a instituição, observada há muito como burocrática e ineficiente.

 

0
0
0
s2sdefault

ft_barack_obama.jpgO assassínio de Osama Bin Laden é uma vitória para os norte-americanos, porém meramente simbólica, haja vista a impossibilidade de o país sair-se bem nas duas guerras asiáticas.

 

 

0
0
0
s2sdefault

eua_dragao_garfo.jpgA postura de Barack Obama é o reaproveitamento da chamada Doutrina Clinton, fundada na invocação da defesa ampla dos direitos humanos em detrimento da primazia da soberania. Os Estados Unidos aplicaram-na na antiga Iugoslávia, ao bombardear maciçamente a Sérvia em favor do Kosovo.

0
0
0
s2sdefault

br_oriente.jpgO Brasil ratifica sua tradição da política externa, firmada desde o século XIX no seguinte tripé: autodeterminação dos povos, pacifismo e juridicismo, ou seja, o respeito ao direito internacional.

0
0
0
s2sdefault

2012 já se iniciou para os políticos norte-americanos, por causa das eleições presidenciais. Os temas principais do debate eleitoral são a economia, em lenta recuperação, e a política externa, de desgastada execução, apesar do imperialismo ‘humanitário’ da atual gestão.

0
0
0
s2sdefault

eua bandeira costela.gifApesar da retórica a favor da transformação sócio-política, Washington e UE não aspiram a modificações profundas: tolerar-se-iam as substituições de dirigentes, desde que a modernização política efetivada por eles seja superficial – o espectro da Revolução Iraniana, de 1979, ainda assombra a elite norte-americana.

0
0
0
s2sdefault

cristoredentor_americano.jpgNenhum tema espinhoso foi abordado de maneira incisiva. Assim, exportação de biocombustível, concessão de vistos a brasileiros, venda de caças, exploração do pré-sal, existência da Quarta Frota, presença norte-americana na Colômbia, política nuclear do Irã e etc.

 

0
0
0
s2sdefault

eua bandeira costela.gifIndependentemente de quem assuma o poder, mesmo de maneira provisória, não poderá o Egito abrir mão do auxílio militar anual de quase um bilhão e meio de dólares provido há muito tempo pelos Estados Unidos.

0
0
0
s2sdefault

 

Nas últimas semanas, houve dois momentos de imediata repercussão: a eliminação de Osama Bin Laden e o anúncio do apoio a uma pátria palestina, nas fronteiras de 1967. No primeiro caso, emergiu um presidente militar; no segundo, um diplomata. 

0
0
0
s2sdefault

mundo_explodindo.jpgO 11 de setembro alterou o quadro. O receio de sofrer retaliação militar dos EUA e OTAN e a substituição de regime levou os ditadores a aplicar o ideário neoliberal de modo parcial. Uma das conseqüências foi a eliminação das subvenções na alimentação, na moradia ou no transporte, sem que houvesse reajuste de salários.

0
0
0
s2sdefault

eua bandeira costela.gifA diplomacia presidencial líbia pareceu até o ano passado surtir efeito sobre os meios tradicionais de comunicação. Não se mencionava mais o país como um Estado renegado; a imagem externa de um governo violento esvanecia-se, ainda que alguns relatos mencionassem a manutenção do terror.

 

0
0
0
s2sdefault

eua bandeira costela.gifUm dos efeitos é a crescente presença das corporações militares, com projetos dispendiosos, aprovados diuturnamente no Congresso, sob justificativa da segurança da população contra comunistas no passado e terroristas hoje. Advogam que por isso não há desafiantes ao seu poderio.