0
0
0
s2sdefault
dinheiro O comportamento dos “estados-economias líderes” não explica a riqueza de países que nunca foram grandes potências. Mas mesmo nestes casos, o sucesso econômico tem a ver com o “efeito em cadeia” da competição e do crescimento dos “estados-economias” que lideram o desenvolvimento mundial. Por José Luís Fiori.
0
0
0
s2sdefault
EUAA realidade não pode ser exorcizada com manipulações midiáticas. A acumulação de déficits, a degradação do dólar e, sobretudo, o estouro da bolha imobiliária tornavam inevitável o desenlace. Por Jorge Beinstein.
0
0
0
s2sdefault
brbandeiragrito.jpgAlém do Banco Central, que hoje está sob controle dos banqueiros e que faz questão de empacar o PAC, o setor financeiro quer agora abocanhar os volumosos recursos do BNDES.
0
0
0
s2sdefault
dinheirofantasma.jpgO que muda, qualitativamente, na análise da trajetória recente da economia brasileira à luz dos novos dados do PIB? Em rigor, muito pouco. Por Jurandyr O. Negrão.
0
0
0
s2sdefault

PrevidênciaSerá mesmo deficitário o Regime Geral da Previdência, além de ser um dos mais generosos do mundo? Esse é o senso comum que a maior parte dos economistas e financistas, auxiliados pela enorme penetração que têm nos meios de comunicação, quer impingir na opinião pública. Por Valéria Nader.

0
0
0
s2sdefault

ConsumismoA elite individualista, consumista e ostentatória, retratada na reportagem de Mônica Bergamo e teorizada no livro de Marcio Pochmann, não tem qualquer preocupação com o destino do país e tem “nojo” do povo brasileiro. Por Altamiro Borges.

0
0
0
s2sdefault
terraesquentando.jpgA mesma mídia que transmite sobre catástrofes previsíveis – fundamentadas ou meramente conjeturais - pouca atenção presta à maneira como as economias industriais dominantes, tendo os Estados Unidos como protagonista, tratam dessa questão. Guilherme C. Delgado.
0
0
0
s2sdefault

{curveimage}O escândalo das reuniões secretas dos diretores do BC com os chefões do mercado financeiro, que veio à tona com reportagem da revista Carta Capital solenemente ignorada pela grande mídia,  dá novo fôlego à reivindicação dos movimentos sociais pela exoneração de Meirelles. Por Altamiro Borges.