0
0
0
s2sdefault

ft_fidelcastro.jpgDepois de seu encontro com o líder cubano, o sociólogo argentino Atílio Boron conta como o viu e do que falaram – segunda parte.

0
0
0
s2sdefault

ft_dalai_lama.jpgA recente publicação do livro "Legado de cinzas – uma história da CIA" confirma as denúncias contra o dalai-lama e seu movimento "pacifista".

0
0
0
s2sdefault

bandeira_italia.jpgCom a entrega a civis de prerrogativas do Estado, a península ameaça afundar-se, sendo os bandidos todos estrangeiros e mocinhos o que há de mais conservador e repulsivo.

0
0
0
s2sdefault

mapa_europa_vermelho.jpgFrança, Islândia, Alemanha, Inglaterra, Letônia; o "fantasma das rebeliões" ronda o mundo, o que deve assustar as elites burguesas e ativar as forças de esquerda no mundo.

0
0
0
s2sdefault

ft_fidelcastro.jpgDepois de seu encontro com o líder cubano, o sociólogo argentino Atílio Boron conta como o viu e do que falaram – primeira parte.

0
0
0
s2sdefault

bandeira_mexico.jpgO EZLN pode estar nos revelando um outro modo de ser e de estar no mundo que realmente se contraponha ao cerco massificante e homogeneizante do sistema capitalista.

0
0
0
s2sdefault

foto_hugo_chavez.jpgNo último domingo, 15, Hugo Chávez venceu o referendo que colocava em questão a emenda que permite reeleições ilimitadas. Para analisar o impacto do resultado, o Correio da Cidadania conversou com o jornalista Gilberto Maringoni.

0
0
0
s2sdefault

bandeira_bolivia.jpgA nova Constituição boliviana protege as maiorias, reafirma os direitos indígenas, garante controle dos recursos naturais e aperfeiçoa as instituições republicanas.

0
0
0
s2sdefault

forum_social_mundial.jpgOs "tradicionalistas", aceitaram proposta de realização de uma Assembléia voltada para a aprovação de manifesto claramente fundado na ideologia socialista.

0
0
0
s2sdefault

foto_uribe.jpgObama freará as relações carnais de Bush como entrada na AL. Vai jogá-lo no picadeiro e levar a glória de uma construção que envolve sangue, suor e lágrimas - de muita gente.

0
0
0
s2sdefault

bandeira_colombia.jpgO esforço de setores sociais, como o dos Colombianos e Colombianas por la Paz, é uma iniciativa justa, que merece o respaldo internacional.

0
0
0
s2sdefault

mundo_preju.jpgFirmar uma agenda mundial de lutas e a realização concomitante de atos públicos em escala planetária significará substancial mudança na qualidade da luta popular.