0
0
0
s2sdefault

RumosSomos obrigados, se queremos salvar o planeta e a humanidade, a imaginar e a inventar um outro modo de conviver. Leonardo Boff

0
0
0
s2sdefault

cerebroplug.jpgUma nova onda energética recai sobre a região. À margem direita do lago, no município de Sobradinho, vai ser instalado o primeiro grande parque eólico brasileiro. Por Roberto Malvezzi (Gogó).

0
0
0
s2sdefault

riomadeira.jpgEsses dias, a boa notícia é que a mortalidade infantil começa a diminuir com mais intensidade, fruto do acesso à água potável.

0
0
0
s2sdefault
CapitalismoMuitos temem que, fiel à sua natureza, o capitalismo se faça suicida. Prefere morrer e fazer morrer a perder. Leonardo Boff.
0
0
0
s2sdefault

riomadeira.jpg Está em andamento uma profunda transformação no semi-árido brasileiro. Trata-se do vasto programa de construção de um milhão de cisternas para captação de água da chuva. Por D. Demétrio Valentin.

0
0
0
s2sdefault

riomadeira.jpgNão se esqueça de pedir a São Francisco que ele zele pelo seu rio, que ele zele por todo nosso planeta. Não se iluda, na crise global do clima, ninguém escapará ileso. Por Roberto Malvezzi (Gogó).

 

0
0
0
s2sdefault

semterraseca.jpgNão queremos apenas fazer cisternas, mas mudar o modo de se viver no nordeste brasileiro. Roberto Malvezzi

0
0
0
s2sdefault
Aquecimento globalA recuperação do planeta ou o que nos resta dele implica a denúncia da impunidade do dinheiro e a liberdade humana. Por Eduardo Galeano.
0
0
0
s2sdefault

CapitalismoEstabelece-se uma íntima correlação entre depredação da natureza com a exasperação do capitalismo.

0
0
0
s2sdefault
terraesquentando.jpgTemos pouquíssimo tempo à disposição para entender o caos no sistema-Terra e tomar as medidas necessárias antes que ela desencadeie conseqüências irreversíveis. Por Leonardo Boff.
0
0
0
s2sdefault
floresta.jpgA liberação da barragem do Tijuco Alto acabaria com o patrimônio histórico, social e ambiental do Vale do Ribeira. Raul Marcelo.

 

0
0
0
s2sdefault

terraesquentando.jpgO grande desafio atual é conferir centralidade ao que é mais ancestral em nós, o afeto e a sensibilidade. Numa palavra, importa resgatar o coração.