0
0
0
s2sdefault

Um acordo light, tipo: Lula condenado em primeira instância, mas com condições de disputar 2018, com cada lado entregando alguns anéis.

0
0
0
s2sdefault

O Fora Temer! não passa de uma aposta na continuidade do capitalismo e da democracia burguesa.

0
0
0
s2sdefault

Nossa incompletude é resultado da própria fukuyamização da esquerda, nossa incapacidade de pensar além da democracia liberal.

0
0
0
s2sdefault

Não estamos defendendo um partido, estamos na perspectiva do que seja justo e bom para a maioria dos brasileiros.

0
0
0
s2sdefault

Enquanto a ambiguidade der o tom, patinaremos. A associação entre a resistência e o PT, reforçada pela mídia, atrapalha.

0
0
0
s2sdefault

A classe trabalhadora brasileira não fez tudo o que podia. Essa é a boa notícia. Ela moveu seu dedo mindinho.

0
0
0
s2sdefault

Será reduzida a expectativa de vida e inviabilizada a sobrevivência dos idosos que não tiverem amparo da família.

0
0
0
s2sdefault

“Privatização da democracia – um catálogo da captura corporativa no Brasil” é uma publicação do grupo Vigência.

0
0
0
s2sdefault

Um dia o espetáculo das delações acabará e continuaremos submersos na cultura do dinheiro.

0
0
0
s2sdefault

A Previdência veio da junção das caixas de auxílio de diversas categorias operárias. E foi o grande volume de dinheiro reunido que despertou a cobiça.

0
0
0
s2sdefault

Que esquerda é essa que legitima os abusos de empresas como parte do jogo da concorrência internacional?

0
0
0
s2sdefault

Quem ganhou para que a dívida de 25 bilhões do Itaú fosse perdoada? Quem está pagando para favorecer a previdência privada?