0
0
0
s2sdefault

É mais que imperioso entendermos que a tradição dos oprimidos nos ensina que o estado de exceção é na verdade regra geral.

0
0
0
s2sdefault

 O ingrediente novo é uma guerra comercial entre as facções que buscam controlar a venda e distribuição de drogas na fronteiras do país. Para analisar o quadro, entrevistamos o jornalista Josmar Jozino, há 20 anos cobrindo a área.

0
0
0
s2sdefault

altÉ impossível alguém conhecer os processos históricos de luta por justiça e direitos humanos no Brasil não passar por Dom Paulo.

 

0
0
0
s2sdefault

altUma das bandeiras de luta para os próximos passos é anular, através de um plebiscito nacional, as decisões tomadas pelos traidores.

0
0
0
s2sdefault

Henrique Meirelles e Marcelo Caetano dão um show de dados falsos e omissões deliberadas.

0
0
0
s2sdefault

Entrevistamos Gustavo Gindre, jornalista e pesquisador, para discutir o controverso projeto de lei que pode impactar o acesso a banda larga pelo país.

0
0
0
s2sdefault

altQuando o entrevistei longamente em 2003, dom Paulo já era um homem combalido, que caminhava com dificuldade e tinha problemas de audição – decorrentes, esclareceu-me, de ferimentos sofridos quando de uma tentativa de sequestro num país latino-americano (pretendiam obter, em troca, a liberdade de um chefão do narcotráfico). Tal entrevista permanece bem atual, daí reproduzirmos aqui seus principais trechos.

 

0
0
0
s2sdefault

altPara analisar tais problemas do desenvolvimento capitalista brasileiro não nos serve a economia política weberiana, nem a dos “capitais culturais” de Bourdieu, e muito menos a clássica liberal, a neoclássica neoliberal ou a “marxista-keynesiana”.

0
0
0
s2sdefault

Não existe relação entre ambas? Sim, e total.

0
0
0
s2sdefault

 Mais de 20 projetos por dia de trabalho. Em média, no restante do ano, os parlamentares votaram pouco mais de quatro propostas por sessão.

0
0
0
s2sdefault

altA foto de Temer sob pressão tucana, expressa, mesmo timidamente, a campanha já assimilada por uma ala do PSDB do Fora Temer.

 

0
0
0
s2sdefault

altDepois das ocupações de escolas do ensino médio, observamos a extensão do fenômeno às universidades públicas. Sobre o contexto, entrevistamos Roberto Leher, reitor da UFRJ.