0
0
0
s2sdefault

Temer e Aécio gozarem do status de inimputáveis é de causar engulhos em qualquer cidadão honesto. Mas não é possível fazer concessões ao lulopetismo e sua estratégia vitimista.

0
0
0
s2sdefault

Depois de 15 anos de farsa desenvolvimentista, ambos se reencontram com seu histórico papel colonial e plutocrático.

0
0
0
s2sdefault

Naufragamos entre a deslegitimada política do mercado total e a esquerda que quer a volta do reformismo fraco.

0
0
0
s2sdefault

Airbnb não tem imóveis, o Alibaba não tem estoque e a Uber não tem automóveis. Seriam exemplos de capitalismo sem capital.

0
0
0
s2sdefault

O verdadeiro significado dos governos petistas foi o engessamento da luta contra o capitalismo.

0
0
0
s2sdefault

Precisamos ampliar a noção de que eleições não são o centro da luta por transformação social.

0
0
0
s2sdefault

Na entrevista que encerra o ano, falamos com o sociólogo do trabalho Ricardo Antunes. Para definir o momento, ele atualiza o conceito da “contrarrevolução preventiva”, alusão ao golpe militar de 1964 e que ocorre em escala global.

0
0
0
s2sdefault

A fome voltou; a violência aumentou; a inadimplência também. As consequências já são visíveis.

0
0
0
s2sdefault

O que tanta gente não se conforma é o caráter parcial desse julgamento, como forma de perseguição pessoal, da condenação sem provas.

0
0
0
s2sdefault

Com forte combate ao conhecimento e à ciência, aprofundou-se o capitalismo selvagem no país.

0
0
0
s2sdefault

Transfere-se aos indivíduos a responsabilidade do Estado pelo financiamento da educação superior.

0
0
0
s2sdefault

Torturando números, Globo e Banco Mundial continuam a fazer propaganda do indefensável.