0
0
0
s2sdefault

altA verdade é uma só: a PEC 241 - que congela por 20 anos os gastos públicos com a saúde, a educação (que já são uma calamidade) e outras áreas sociais - esmaga os trabalhadores(as) nos trilhos da locomotiva do neoliberalismo.

0
0
0
s2sdefault

altA decisão do TJ-SP reavivou um velho debate sobre o papel que as políticas de Estado exercem sobre esta modalidade de violência.

0
0
0
s2sdefault

altEleitor e eleitora, qual o projeto que você escolhe e quer para o Brasil? Quais os partidos políticos (mesmo pequenos) que hoje (e não no passado) apoiam e lutam pelo projeto popular?

0
0
0
s2sdefault

altApesar das críticas que, na ótica dos pobres, já fiz e continuo fazendo aos governos Dilma, neste momento - que nacional e internacionalmente envergonha o Brasil - manifesto solidariedade e irrestrito apoio à presidenta injustamente condenada.

 

0
0
0
s2sdefault

altQue a Campanha Internacional do Comitê Goiano de Direitos Humanos Dom Tomás Balduíno suscite uma grande rede mundial de solidariedade aos trabalhadores presos injustamente e de condenação à política ditatorial do estado de Goiás e do Brasil!

0
0
0
s2sdefault

altAncorados em suposta crise financeira, os setores conservadores que controlam o governo ousam propor a desvinculação de recursos para a saúde e a educação.

 

0
0
0
s2sdefault

altSegundo o sítio sonegômetro, os sonegadores se apropriam de cerca de 10% do PIB, cerca de R$ 1,5 bilhão por dia! Por que o governo prefere atacar a educação, a saúde, a justiça, a segurança, a previdência, a ciência e a tecnologia?

 

0
0
0
s2sdefault

altO valor monetário do investimento educacional em favor dos mais pobres e dos mais ricos dá uma ideia de quão desigual é a educação desses dois grupos.

 

0
0
0
s2sdefault

altAqui se fala em hierarquia funcional, devendo ser altamente balizada, a fim de não gerar a "hierarquia entre humanos". Esta última é inadmissível em qualquer grau.

0
0
0
s2sdefault

altComo Ruy Braga afirma categoricamente, “o impeachment foi um golpe (político parlamentar) contra os direitos dos trabalhadores”.

0
0
0
s2sdefault

altAs palavras do lema da CNBB - “este sistema é insuportável: exclui, degrada e mata” - definem, de maneira muito clara, a iniquidade estrutural do sistema neoliberal no qual vivemos.

0
0
0
s2sdefault

altMatar-se porque perdeu tudo não é tão novo. A crise de 1929 foi recordista em suicídios gerados pelo desespero que é dormir rico e acordar quebrado. O problema mesmo é que tal lógica se estendeu para a base da pirâmide.