Correio da Cidadania

Uma perversidade diabólica do prefeito de Goiânia

Famílias sofrem despejo em Aparecida de Goiânia
Foto: O Popular.

A Prefeitura de Aparecida de Goiânia, com a ajuda da Guarda Civil Municipal (GCM) e da PM, realiza o segundo despejo violento na Ocupação Beira-Mar, no bairro Independência das Mansões, às 6h da manhã dessa segunda-feira (27 de setembro); 56 famílias perderam sua moradia em meio à pandemia e a enorme crise econômica. A prefeitura realizou o despejo sem mandato judicial ou ordem administrativa! Não houve também nenhuma notificação prévia às famílias. A Campanha Despejo Zero denuncia mais um despejo truculento e ilegal em Goiás (Comitê de Direitos Humanos de Goiás Dom Tomás Balduino).

Sou membro do Comitê e é com muita indignação que declaro: a denúncia da Campanha Nacional Despejo Zero - que tem todo meu apoio - é também a minha denúncia. Trata-se - mais uma vez - de um ato de uma perversidade diabólica. Digo mais: além de ilegal, todo despejo é imoral e injusto. A própria palavra “despejo” é desrespeitosa e ofensiva.

Infelizmente, em pleno tempo de pandemia, às 6 horas da manhã (dia 27) Gustavo Mendanha - de maneira violenta, covarde e sem nenhum respeito pelas crianças, idosos e idosas, trabalhadores e trabalhadoras que, como verdadeiros heróis e heroínas, lutam pelo direito sagrado à moradia digna e por um Brasil mais justo e humano - são barbaramente despejados e despejadas, como se fossem criminosos e criminosas, por um prefeito insensível e perverso.

Chega de tanta violência e tanta bandidagem institucionalizada! Deixo um aviso a esses políticos e governantes: aguardem a justiça de Deus! Ela não falha!

Mais uma vez, o meu total apoio às famílias despejadas como se fossem lixo descartável. Irmãos e irmãs de caminhada, soube que continuam na terra. Parabéns pela resistência. A terra é de vocês. Lutem com garra por ela. Toda terra urbana abandonada para fins de especulação imobiliária e toda terra rural improdutiva é de quem precisa dela para trabalhar e para morar. Chega de políticos e governantes iníquos, a serviço dos poderosos e exploradores do povo!

Unido a muitos outros companheiros e companheiras, reafirmo: estamos com vocês. Lembrem-se: Deus está sempre do lado dos que lutam pela justiça e, com certeza, está do lado de vocês. Com Deus, vocês já são vitoriosos. Os demônios de hoje (leia: os políticos e governantes criminosos) serão derrotados.

“O futuro da humanidade está, em grande medida, nas mãos de vocês (dos Movimentos Populares), na capacidade de vocês se organizarem e promoverem alternativas criativas na busca diária dos ‘3 T’ (trabalho, teto, terra), e também na participação de vocês como protagonistas nos grandes processos de mudança, regionais, nacionais e mundiais” (Papa Francisco. 2º Encontro Mundial dos Movimentos Populares. Santa Cruz de la Sierra, Bolívia, 09/07/15). Unidos na Luta!

Despejo Zero! Parem os Despejos! Não joguem o povo na rua!