A síndrome do Aécio segue fazendo história. Quando quem ganha não é a velha elite, aí a eleição não vale.

Em Santa Catarina temos três etnias que ainda resistem na luta pelo seu espaço tradicional: os Kaingang, os Laklãnõ Xokleng e os Guarani.

A Colômbia vive hoje, dia 21 de outubro, um dia de paralisação nacional comandado por indígenas e camponeses.

Presença de Pompeo em Roraima reafirma hipocrisia norte-americana em relação à "democracia".

Os desgraçados acreditam que não tem a menor importância matar, socar, violentar. Fazem nas câmeras e postam.

Mesmo que alguma prefeitura seja conquistada pela centro-esquerda, o pós-eleição se converterá em um festival de horrores.

O escandaloso caso Assange é a prova cabal de que a justiça tem classe e dono.

Além de toda a tragédia causada pela inexistência de combate à Covid19, Amazônia e Pantanal queimam por incêndios criminosos.

Nos beach clubs de Jurerê, praia da elite, a droga rola solta. Mas lá não chega a força policial matando tudo que se move.

Imputar aos indígenas esse crime de lesa-humanidade que vivemos hoje no país é uma grande cartada.

O Brasil passou de 130 mil mortos pela Covid-19 e segue tendo mais de mil mortes por dia, mas não há mais comoção.