Os últimos cem anos são uma sucessão de ciclos de superprodução de capital. Confundir crises periódicas com declínio é um erro.

Ideólogos da privatização da Eletrobrás evitam debater todos os pontos possíveis sobre a realidade do setor.

Apontamentos sobre o estudo “Quando o crescimento começou?”, publicado por três estudiosos de Berkeley e Columbia.

A crise do coronavírus expôs algo que andava despercebido: a incapacidade de a economia fundada na forma-valor resolver problemas sociais.