“As Forças Armadas são uma instituição de Estado” e uma lista infindável de frases de autoengano. Mas vamos aos fatos.

A deterioração é tamanha que até setores dominantes avaliam se não caberia um padrão de dominação com um pouco mais de mediações.

O Mapa da cloroquina: como governo Bolsonaro enviou 2,8 milhões de comprimidos para todo o Brasil.

Lulismo e bolsonarismo: enquanto uns procuram o freio, outros pisam no acelerador. Mas ninguém questiona o trilho.

Tão obcecados quanto Bolsonaro pela faixa presidencial, Lula e Ciro acabam reduzidos a facilitadores de genocídio.

Os militares estão ultrapolitizados e não voltarão à caserna. É hora de por fim às ilusões republicanas alimentadas pela esquerda liberal.

Celso Amorim comenta a saída de Araújo e da “lamentável”, em suas palavras, inserção em massa de militares no governo Bolsonaro.

Rose Nogueira escreve sobre a prisão na época da ditadura civil-militar, 40 dias depois de dar à luz.